Venda na loja ou na internet e envie o seu próprio link de pagamento! pelo WhatsApp direto do Sistema. Clique aqui e conheça o STi3 Pay.

Aprenda a começar uma logística de e-commerce eficiente em sua loja de varejo!

A logística de e-commerce é a área que mais precisa de atenção em uma loja virtual. Afinal, ela compreende não só a separação de produtos no estoque, bem como o empacotamento e envio aos clientes.

Os consumidores estão cada dia mais exigentes, e esperam que seus pedidos cheguem rapidamente e sem nenhuma avaria. Dessa maneira, é imprescindível que o setor responsável seja eficiente e integrado com os demais.

E, caso você não tenha esse departamento otimizado em sua empresa, pode comprometer toda uma operação direcionada para o universo digital 

Agora, se você deseja saber como melhorar a logística da sua loja online, continue lendo este artigo até o final.

Por que a logística de e-commerce é tão importante?

A logística do e-commerce é importante pois, esse será o primeiro contato do cliente com o produto após fazer o pedido de maneira digital.

Diferentemente de um ambiente físico, onde podemos tocar ou experimentar os produtos, por exemplo, essa será a primeira impressão do consumidor com a sua operação “real”.

Portanto, essa etapa é fundamental para garantir a satisfação do cliente. Afinal, o comprador deseja receber seu produto logo e em boas condições.

Além disso, a logística é um dos processos de uma loja virtual que mais recebe reclamações por causa de pedidos errados ou que atrasaram mais que o previsto. 

De acordo com o Reclame Aqui, entre março e abril de 2020, foram registradas 192 mil reclamações sobre atraso na entrega de produtos, representando um crescimento de 61% nas queixas.

Com isso, é fundamental ter em mente que ter uma logística vai muito além de colocar o produto nos Correios. É necessário ter verdadeiros parceiros ao seu lado. 



Quais as funções da logística de e-commerce dentro do comércio de varejo?

Em uma loja online, esse setor é responsável por planejar e controlar todas as atividades relacionadas ao armazenamento de produtos, expedição e entrega aos clientes.

Nesse sentido, as principais funções da logística de e-commerce envolve os seguintes pontos:

  • Receber e conferir as mercadorias;
  • Armazenar todos os produtos com identificação;
  • Controlar o estoque de maneira eficiente;
  • Separar os pedidos;
  • Preparar o envio, ou seja, conferir e embalar;
  • Enviar para a transportadora;
  • Controlar a entrega final.

Fazendo um planejamento de logística de e-commerce eficiente

Na prática, para que o processo de separação e envio de produtos seja satisfatório, é preciso se atentar à organização de estoque, preço de frete e sistema de gestão. 

Pensando nisso, separamos uma lista com os principais pontos a serem levados em consideração ao montar uma logística de e-commerce funcional para o longo prazo.

1.Tenha um estoque organizado

Muitas empresas de varejo, além de terem suas lojas virtuais, também estão presentes em outros canais, como os marketplaces. Dessa forma, é fundamental que o estoque esteja organizado, para não correr o risco de vender um único produto em mais de dois locais.

Uma ótima maneira de organizar o estoque e evitar esse tipo de problema, é dispondo de sistemas de automação comercial

Entre suas principais funções, está a integração de sites e canais às principais informações logística de e-commerce.

2.Conte com preços competitivos de frete

O alto preço da entrega pode fazer um cliente desistir da compra e abandonar um carrinho. Para contornar esse problema, a loja de varejo pode optar por trabalhar com frete grátis a partir de um valor mínimo ou ter um valor fixo.

No entanto, para isso, é necessário primeiro pesquisar o valor da entrega para todas as regiões do país e analisar se é viável oferecer esse benefício aos clientes. Afinal, o envio da peça não pode interferir negativamente na margem de lucro.

Mesmo que a empresa arque com uma parte desses custos, com fretes mais competitivos, as vendas aumentam e, consequentemente, o ticket médio do negócio.

3.Tenha uma política de estoque estratégica

O estoque de uma loja virtual é um setor que precisa de muita atenção. Primeiro porque manter uma grande quantidade de produtos requer muito espaço de armazenamento, além de correr o risco de que peças fiquem paradas ou estraguem. 

Por outro lado, trabalhar com poucas quantidades pode fazer com que a empresa não consiga atender a demanda e perca oportunidades.

Por isso, a logística de e-commerce deve trabalhar com o estoque de forma estratégica. Ou seja, ele deve ser avaliado constantemente para evitar que produtos fiquem indisponíveis. 

Além disso, é importante manter parcerias com fornecedores que tenham produtos a pronta entrega e consigam entregá-los rapidamente.

4.Conte com um sistema gerencial eficiente

Uma loja virtual funciona 24h por dia, sete dias por semana. Desta maneira, o cliente precisa conseguir efetuar sua compra mesmo que os colaboradores não atendam ao SAC de madrugada ou aos finais de semana, por exemplo.

Mas sem uma ferramenta de automatização, a logística de e-commerce não consegue ser eficiente. O consumidor pode comprar um produto que não está mais disponível, por exemplo.

Ainda assim, um bom sistema gerencial, como o da STi3, automatiza os principais processos da loja online e garante a satisfação do cliente. Com ele, é possível não só gerenciar o estoque, mas integrar o físico ao do e-commerce.



Colocando a logística de e-commerce em prática

Para não ter problemas com o envio de produtos em sua loja online, antes de começar a vender é preciso se atentar a diversos fatores. Veja a seguir.

Saiba o peso e o tamanho dos pacotes que serão enviados

Essas informações são essenciais não só para enviar o produto ao cliente, mas também encontrar formas de entrega mais em conta. Dessa forma, antes mesmo de colocar algum item no site, verifique peso e medida.

Se a loja trabalha com pacotes de tamanhos padrões, essa tarefa é ainda mais simples. Basta calcular as dimensões e inserir no site.

Além disso, é importante ainda saber o peso cubado dos produtos para transporte rodoviário. Ele determina o espaço ocupado pela mercadoria, por isso leva em conta a largura, altura, profundidade e quantidade de embalagens.

Tenha contrato com os Correios

Os Correios, além de serem a maior empresa estatal de correspondência do Brasil, possuem a maior abrangência de entrega do País. Assim, ter um contrato com eles garante uma série de benefícios para o empreendedor digital. 

Entre eles, podemos destacar alguns, como:

  • Descontos nos preços de envio;
  • Pagamento em até 40 dias;
  • Serviços de logística reversa para trocas e devoluções;
  • PLP’s para envio de mercadoria automática (sem precisar passar pelas filas dos caixas);
  • Coleta programada;
  • Entre outros.

Nesse sentido, o contrato com os Correios só tende a favorecer a logística de e-commerce.

Pense em transportadoras como uma segunda opção de logística

Mesmo que a empresa tenha contrato com os Correios, é importante ter um plano B para não deixar o cliente na mão.

Desse modo, busque saber quais transportadoras atuam na sua cidade e quais lugares atende. Pesquise preço, prazo de entrega, se busca o produto na empresa ou ele precisa ser levado no centro de distribuição, entre outros.

O principal objetivo da logística de e-commerce é ser ágil e eficiente. Portanto, muitos clientes podem preferir pagar mais caro para receber seu produto rapidamente.

Busque entender sobre fulfillment

Ao invés de alugar um espaço para guardar as mercadorias, os empresários podem contratar um operador de fulfillment. Eles são negócios especializados em logística e, portanto, desempenham as seguintes funções:

  • Armazena mercadorias das lojas;
  • Administra o estoque;
  • Importa os pedidos dos e-commerce;
  • Separa os produtos;
  • Embala os pacotes;
  • Administra a entrega.

Geralmente, essas empresas atendem várias lojas ao mesmo tempo, ou seja, envia um volume maior de encomendas para as transportadoras. Logo, conseguem preços mais atrativos.

O gestor que contrata os serviço de fulfillment, não precisa se preocupar com a logística do seu negócio, e pode investir seu tempo e dinheiro em marketing e gestão.

Uma logística de e-commerce faz a sua loja de varejo faturar mais na internet? 

Muitas pessoas compram na internet pela praticidade de não precisar sair e receber o produto no conforto de sua casa. Mas a satisfação só é completa se a mercadoria chegar rapidamente e em perfeitas condições.

A loja que planeja e trabalha a logística de e-commerce estrategicamente, consegue se destacar no mercado e realizar mais vendas, pois consegue oferecer preços mais competitivos e não deixar o cliente na mão.

Por isso, é essencial contar com ferramentas que facilitem todo esse processo, como o Power Stock da STi3. Ele integra o estoque ao PDV, e ainda proporciona segurança e tecnologia ao seu negócio. 

Entre em contato com um de nossos analistas e conheça a melhor solução para a sua empresa.

Quer receber uma ligação do nosso setor comercial?

É fácil reconhecer o nosso número: (14) 3411-3333

Para outras dúvidas ou suporte técnico, clique aqui.

Esse site é protegido por reCAPTCHA e o Google Política de Privacidade e Termos de uso apply.