Venda na loja ou na internet e envie o seu próprio link de pagamento! pelo WhatsApp direto do Sistema. Clique aqui e conheça o STi3 Pay.

Aprenda como vender na Amazon e aumentar as vendas do seu negócio!

Aprender a como vender na Amazon atualmente é indispensável para pequenos lojistas que querem trabalhar na internet com poucos recursos iniciais.

Afinal, a Amazon atualmente é responsável por milhares de transações diárias, além de ser um dos principais marketplaces do mundo em diferentes segmentos.

Desta forma, utilizar este canal como mais uma ponte de vendas é indispensável para aumentar a lucratividade do negócio e trabalhar o fortalecimento de marca.

No entanto, pequenos empreendedores ainda não sabem como iniciar essa transição de forma assertiva. 

Pensando nisso, preparamos esse conteúdo para auxiliar o entendimento de como vender na Amazon de forma estratégica e sem perder lucratividade. 

Qual a importância de aprender como vender na amazon?

Qualquer empresa que trabalhe com varejo nos dias de hoje precisa em algum momento aprender como vender na Amazon. 

Em geral, as campanhas publicitárias, os produtos vendidos e o marketing realizado pela empresa sempre possuem um alcance muito alto. Logo, ter produtos vinculados a essa explosão é extremamente atrativo.

Por isso, aproveitar o tráfego de pessoas na plataforma para ter mais um canal de vendas é fundamental para o pequeno empreendedor.

O que pode ser vendido na Amazon?

Com o crescimento da Amazon no Brasil, atualmente podemos dizer que é possível vender infinitos produtos dentro do site.

No entanto, o primeiro passo para isso, é ter bem definida a categoria do seu produto no momento do cadastro. Pois, apesar de ser uma plataforma ampla, alguns produtos não possuem autorização para serem vendidos por lá.

Quando falamos de produtos novos, podem ser vendidos os produtos integrantes das seguintes categorias:

  • Atividades ao ar livre;
  • Beleza;
  • Brinquedos;
  • Jogos;
  • Calçados;
  • Bolsas;
  • Sapatos;
  • Óculos;
  • Câmeras, lentes e acessórios de fotografia;
  • Itens domésticos como cama e mesa;
  • Celulares e acessórios para celulares;
  • Computadores, notebooks, tablets e outros itens de tecnologia;
  • Eletrônicos;
  • Itens esportivos, indo desde exercícios físicos até itens de salas de jogos;
  • Materiais de construção;
  • Games, consoles e acessórios;
  • Joias;
  • Livros e revistas;
  • Escritório;
  • Papelaria;
  • Malas e outros itens de viagem;
  • Bebês e gestantes;
  • Roupas em geral;
  • Acessórios em geral;
  • Cuidado e higiene pessoal.

Por fim, se o vendedor quiser vender itens colecionáveis, só podem ser vendidos itens que correspondam aos grupos de games e brinquedos.

5 dicas de como vender na Amazon de forma lucrativa

Buscar informações sobre como iniciar as vendas no marketplace é essencial. No entanto, nem sempre as etapas realizadas pelos lojistas costumam ser as ideias. 

Pensando nisso, preparamos um guia com cinco dicas essenciais para te ajudar a crescer na plataforma e sem grandes problemas futuros.

Confira abaixo: 

Faça o cadastro como pessoa jurídica

Se uma empresa ou um vendedor pensa em como vender na Amazon, o primeiro passo é deixar o CPF de lado e se identificar como um CNPJ dentro da plataforma. Para isso, a plataforma solicita documentos essenciais, sendo:

  • CNPJ;
  • E-mail;
  • Conta bancária;
  • Cartão de crédito.

Usar uma conta como pessoa jurídica ajuda a Amazon a entender que aquele perfil corresponde a uma empresa, a um vendedor. Essa diferenciação é essencial para manter o controle dos negócios.

Após efetuar o cadastro, o solicitante tem ainda acesso ao Seller Central, um campo exclusivo para que se faça o controle do seu negócio. 

Escolha seus melhores produtos para vender na Amazon

A partir do momento que um empreendedor resolve que vai aprender como vender na Amazon e começa a seguir os passos para isso, é natural que comece também a dúvida sobre os produtos ofertados.

Desta forma, escolher os melhores produtos da sua loja para estarem presentes no marketplace são peças-chave para o sucesso inicial.

Com isso, escolha os itens com maior margem de lucratividade e que também já foram validados na loja física. 

Afinal, mesmo sendo uma nova plataforma, para o teste inicial, é importante se pautar em lugares já conhecidos pelo empreendedor. Isso auxilia a evitar erros iniciais na internet.

Se atente à precificação

Utilizar um marketplace tem suas inúmeras vantagens, mas também possui uma série de cuidados a serem tomados. Entre eles, a precificação do produto.

Um erro bastante comum em profissionais que buscam como vender na Amazon é pensar apenas no valor tradicional que já é praticado no dia a dia. No entanto, você como gestor, precisa lembrar que se trata de uma plataforma de terceiros. Logo, precisará arcar com alguns custos por utilizar essa plataforma.

Por isso, não se esqueça de verificar qual é a porcentagem sobre as vendas referente a cada produto vendido para não comprometer suas vendas. 

Faça o cadastro dos produtos com o mesmo código da sua loja

Para vender com sucesso, é preciso ter organização dentro dos processos realizados. Assim, uma dica importante é saber como identificar os produtos da sua loja dentro dos pedidos realizados.

Por isso, ao cadastrar um produto na Amazon, certifique-se de usar o mesmo código usado na loja fora da plataforma. Para que, ao receber pedidos, não seja necessário passar uma grande quantidade de tempo apenas entendendo onde eles estão.

Tenha um sistema de gestão integrado em sua conta da Amazon

Pensar em vendas sem pensar em um sistema de gestão é quase impossível nos dias atuais. Dentro de um marketplace como a Amazon, a necessidade de gestão dos negócios não pode ser desprezada. Afinal, estamos falando de uma das maiores empresas do mundo.

Quando um vendedor coloca seus produtos na Amazon, está abrindo as portas para que uma imensidão de clientes possam chegar até seus produtos. Dessa forma, trabalhar sem um gerenciamento correto pode ser extremamente perigoso.

Por isso, um bom passo para saber como vender na Amazon é trazer para dentro de casa um sistema ERP funcional.

Perguntas frequentes de quem busca saber como vender na Amazon

Tem dúvidas sobre como atuar dentro da Amazon? Confira algumas das principais perguntas que recebemos a respeito do assunto!

Quantos produtos é possível cadastrar na Amazon?

A Amazon hoje dispõe de uma capacidade enorme de alocação de produtos para venda. Hoje em dia, a quantidade de produtos cadastrados vai depender diretamente da categoria que o produto está incluso.

Até o momento, a empresa não estabeleceu números exatos para cada categoria. No entanto, o ideal é que se trabalhe sempre com uma seleção focada em qualidade, como citamos anteriormente.

Quais as comissões da Amazon?

Um dos pilares para quem deseja saber como vender na Amazon é conhecer seu trabalho de comissionamento. Ou seja, como vai ser feito o pagamento do vendedor para a plataforma, por estar usando seus serviços de hospedagem dos produtos.

Atualmente, a Amazon dispõe de dois planos para assinatura, sendo o primeiro chamado de individual, que cobra um valor de 2 reais por produto, somados a uma comissão por operação realizada. Além disso, existe o plano profissional, com valores maiores.

No plano profissional, o valor é de R$ 19 mensais, somados a uma comissão por cada operação.

Nesse caso, a diferença principal entre os dois é que, no plano profissional, não vai ser cobrada nenhuma taxa por produto, apenas a mensalidade.

Para conseguir montar um planejamento de como vender na Amazon, o ideal é que o vendedor tenha em mente os dois planos ofertados. Assim, é possível entender qual dos dois melhor atende o momento do seu negócio.

Precisa de nota fiscal para vender na Amazon?

Sim, a Amazon exige que o vendedor emita nota fiscal para todos os pedidos realizados. Nesse caso, pode ser tanto a nota fiscal tradicional quanto a nota fiscal eletrônica.

Esse é um dos requisitos mais importantes de se atentar na hora de montar os passos de como vender na Amazon.

Vale a pena vender na Amazon?

Com o crescimento do comércio eletrônico e a expansão de lojas físicas para plataformas digitais, buscar saber como vender na Amazon é indispensável para conseguir aumentar o posicionamento e as vendas em diferentes canais. 

Além disso, o investimento para começar a vender dentro do site é extremamente baixo comparado a outras possibilidades, principalmente em uma loja virtual própria neste primeiro momento.

No entanto, é indispensável que você tenha um sistema de gestão adequado para controlar as vendas e, principalmente, atualizar o estoque em tempo real. Desta forma, é possível evitar possíveis incidentes em ambos os lados do negócio.

Quer continuar acompanhando as principais novidades do segmento? Então não deixe de conferir os outros conteúdos exclusivos do nosso blog!

Quer receber uma ligação do nosso setor comercial?

É fácil reconhecer o nosso número: (14) 3411-3333

Para outras dúvidas ou suporte técnico, clique aqui.

Esse site é protegido por reCAPTCHA e o Google Política de Privacidade e Termos de uso apply.

Quer receber uma ligação do nosso setor comercial?

É fácil reconhecer o nosso número: (14) 3411-3333

Para outras dúvidas ou suporte técnico, clique aqui.

Esse site é protegido por reCAPTCHA e o Google Política de Privacidade e Termos de uso apply.

Quer receber uma ligação do nosso setor comercial?

É fácil reconhecer o nosso número: (14) 3411-3333

Para outras dúvidas ou suporte técnico, clique aqui.

Esse site é protegido por reCAPTCHA e o Google Política de Privacidade e Termos de uso apply.

Quer receber uma ligação do nosso setor comercial?

É fácil reconhecer o nosso número: (14) 3411-3333

Para outras dúvidas ou suporte técnico, clique aqui.

Esse site é protegido por reCAPTCHA e o Google Política de Privacidade e Termos de uso apply.

Quer receber uma ligação do nosso setor comercial?

É fácil reconhecer o nosso número: (14) 3411-3333

Para outras dúvidas ou suporte técnico, clique aqui.

Esse site é protegido por reCAPTCHA e o Google Política de Privacidade e Termos de uso apply.