Por Leilson Murgo | 27 de Março de 2020

Se considerássemos as previsões mais pessimistas para o ano de 2020, não chegariam nem próximas do que é a realidade que hoje atravessamos. Por consequência da epidemia do Covid-19 e dos relatos que temos diariamente sobre as consequências dessa epidemia em outros países, principalmente a Itália, muitas cidades e estados têm assumido políticas de quarentena para diminuir a circulação de pessoas e dificultar a proliferação do vírus. 

Diante disso, deu-se início a uma discussão muito grande sobre preservar vidas versus preservar negócios e todas as consequências que ambas as decisões podem acarretar. Não temos a intenção de entrar nesta discussão, estamos aqui para trabalhar com fatos e ajudar nas soluções. 

O fato que temos é que, em algum momento as cidades ou estados irão adotar a política de quarentena e as empresas terão que operar com as portas fechadas. Sabemos também que isso irá afetar brutalmente o faturamento e será necessário se apoiar nas reservas de caixa, caso elas existam. 

Este momento requer um entendimento rápido da situação para que se possa traçar um plano de ação que consiga preservar ao máximo o Caixa da empresa e ao mesmo tempo permita atravessar esse período de baixo faturamento. 

As dicas que daremos servem para que gestores possam analisar a situação da sua empresa e para definir a melhor estratégia a ser tomada. Estas podem ser adaptadas a qualquer tipo de negócio. O importante é manter o foco. Uma mudança rápida requer uma ação rápida. 


Assista ao video com todas essas dicas e várias outras ideias que podem se encaixar perfeitamente na sua realidade.

Analise todos os seus custos:

Até os negócios mais organizados possuem algumas brechas que acabam consumindo mais do seu caixa do que o necessário. Neste ponto, temos que analisar quais os custos são essenciais para o funcionamento da sua empresa e quais são supérfluos ou podem ser diminuídos. A ideia aqui é preservar o caixa neste momento em que a empresa está parada. Neste ponto é importante uma conversa franca com os fornecedores a fim de renegociar ou mesmo postergar suas dívidas. Caso a sua empresa alugue um prédio, cabe aqui também uma conversa com o locador. 


Tem estoque pra queimar? 

Neste momento o caixa é o rei e, se o seu estoque é muito grande, isso significa dinheiro parado. Uma estratégia para fazer dinheiro rapidamente é analisar se a sua empresa possui um estoque excedente e, caso possua, liquidar este estoque rapidamente. Seja por uma liquidação ou por promoção do tipo “a segunda peça sai pela metade do preço”, isso fará com que esse valor parado se torne caixa que pode ser utilizado. 


Você conversa com seu cliente? 

Mesmo que o cliente não vá até a sua loja, é importante manter o contato com ele. As redes sociais têm um papel importante na forma como as empresas interagem com seus clientes. Isso ajuda a fidelizar e, em momentos de crise, é uma forma rápida de mostrar para o cliente que você tem o produto que ele precisa. 


Aproveite esse contato para vender: 

Não é de hoje que as redes sociais são utilizadas como canal de vendas. Como estamos passando por este momento de restrição, é hora de movimentar os perfis da empresa em ferramentas como WhatsApp, Instagram e Facebook. Cadastre os contatos dos seus clientes e faça desse meio uma vitrine dos seus produtos. Demonstre a sua mercadoria, divulgue promoções, esteja atento para responder aos questionamentos para que seu cliente se sinta confortável para realizar a sua compra online.


Ofereça créditos para consumir futuramente:  

Como neste momento os consumidores também estão apreensivos com a situação, é necessário oferecer condições especiais e que sejam vantajosas para o cliente e assim estimule o consumo. Se possível, abrir mão de um pouco do lucro para fazer caixa mais rapidamente. Uma ideia seria a venda de vale compras ou de kit de produtos que podem ser consumidos futuramente. Um restaurante, pode vender um combo de 10 refeições a um preço mais acessível, uma loja pode vender um vale consumo com bônus adicional conforme o valor. A estratégia pode ser adaptada de diversas formas, o importante é oferecer um benefício adicional ao cliente e dessa forma reforçar o seu caixa rapidamente. 


Fique atento às notícias!  

Neste cenário de incertezas, todo dia as coisas mudam. Da mesma forma, as ações governamentais mudam constantemente também. O Governo Federal já lançou mão de algumas medidas visando amenizar a situação de pessoas e empresas. Já se sabe que os valores do Simples que seriam pagos nos meses de abril, maio e junho foram postergados para outubro, novembro e dezembro. O pagamento do FGTS também foi adiado por 3 meses. A Caixa Econômica Federal permitiu, através de seu aplicativo, suspender a cobrança dos seus financiamentos por 2 meses. 

É importante ficar atento às notícias diariamente pois novas medidas podem ser lançadas e isso pode determinar uma boa vantagem para a empresa. 


Empatia:  

Por fim, devemos ter a consciência que estamos todos atravessando o mesmo problema e quanto mais nos ajudarmos, mais rápido passaremos por tudo isso, tanto em questão de saúde quanto na questão econômica.  

A retomada é logo ali, e estamos caminhando pra ela!